segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Quem sou


Alguém queria saber quem sou,
queria saber se sou um poeta.
O meu ser tantas vezes mudou.
Qualquer resposta seria incompleta.

Alguns dizem que sou sentimental
e outros pensam que sou mentiroso.
Sou apenas uma pessoa normal;
Não vivo num mundo misterioso.

Acho que sou sincero e fiel,
mas atualmente isso não significa nada.
Por isso prefiro lápis e papel,
pois a vida está tão tumultuada
e fazer o bem passou a ser caretice,
amar tornou-se sofrimento,
sinceridade e fidelidade é quase crendice;
uma pessoa é um simples passatempo.

Prefiro viver no meu próprio mundo,
distante de tudo o que se vê,
fazendo o meu melhor a cada segundo
e assim continuo a viver.


"Se você quiser alguém pra ser só seu, é só não se esquecer, estarei aqui". Trecho da música "Eu era um lobisomem juvenil", da Legião Urbana.

Um comentário:

  1. Apesar de não ser muito fã de poesias, eu sou a favor de pessoas que escrevem com sinceridade, que deixam transparecer isso no que quer que seja, e então eu gostei da sua auto-definição.
    Foi um bom começo !
    E que venham muitos outros melhores :D
    Adorei o blog , boa sorte

    Um beijo :*

    ResponderExcluir

Suas palavras serão bem vindas. Seu comentário será respondido em sua página. Muito obrigado por comentar.